Padre Jordan – Devoto de Maria

A Família Salvatoriana todo dia 08 de cada mês está rezando a Novena de Padre Jordan como itinerário para vivenciar o Ano Centenário da Morte/Ressurreição do Venerável Servo de Deus Pe. Francisco Maria da Cruz Jordan. Neste dia 08 de maio, 4º Dia da Novena traz como tema: “Padre Jordan – Devoto de Maria”. Reze conosco esta novena!

 

Venerável Servo de Deus
Pe. Francisco Maria da Cruz Jordan

Devoto de Maria

“Ó Mãe, Rainha do céu, ajuda-me,
ajuda-me! Eis-me aqui! Aos teus pés
coloco todas as minhas aspirações. Hoje
é teu dia de júbilo” (DE III 18,21)

Antífona inicial: (Mantras salvatorianos) Seremos responsáveis…
Seremos responsáveis por levar o Teu nome, Ó Cristo Salvador! Ajudai-nos em nossa missão!

Comentarista: Vamos iniciar esse momento de oração invocando a Santíssima Trindade: Em nome do Pai…

Comentarista: Era nítido o amor que o Pe. Jordan nutria por Nossa Senhora. A figura de Maria em sua vida fez com que abrisse o seu coração para partilhar todas as suas aflições, preocupações e sonhos. Na mesa de trabalho do Pe. Jordan havia uma imagem de Nossa Senhora e não era difícil encontrar papéis inscritos com a letra do Pe. Jordan onde ele colocava nas mãos de Nossa Senhora o momento em que estava vivendo.

Leitor 1: (Entra com a imagem de Nossa Senhora) Acolhamos a imagem de Nossa Senhora. Apresentamos em voz alta o título de Nossa Senhora de nossa devoção.
Leitor 2: (entra com o Círio): Recordando a presença constante do ressuscitado entre nós recebamos agora o Círio Pascal que nos remete ao Divino Salvador Ressuscitado.
Leitor 3: (entra com a Bíblia) A Palavra de Deus sempre nos inspira e nos remete a olharmos a presença constante de Deus ao longo da história da humanidade. Recebamos essa Palavra que nos orienta e guia.
Todos: Padre Jordan nos deixa em seu Diário Espiritual: Ó Mãe, Rainha do céu, ajuda-me, ajuda-me! Eis-me aqui! Aos teus pés coloco todas as minhas aspirações. Hoje é teu dia de júbilo.
Comentarista: Com Padre Jordan, Cantemos em homenagem a Maria, a Mãe do salvador: Nossa Senhora Da Luz

1. Quem é essa mulher, tão formosa, vestida de sol?
Quem é essa mulher, tão bonita como o arrebol?
Quem é essa mulher, coroada de estrelas no céu?

Quem é essa mulher, de sorriso meigo, doce como o mel?

Refrão: É Maria, a Mãe de Jesus! É Maria, a Senhora da Luz! (bis)

2. Quem é essa mulher, de ternura expressa no olhar?
Quem é essa mulher, braços fortes, rainha do lar?
Quem é essa mulher que aceitou dar ao mundo a Luz?
Quem é essa mulher, que carregou em seu ventre Jesus?

3. Quem é essa mulher, que se faz Mãe com todas as mães?
Quem é essa mulher, que é senhora, que é serva, que é Mãe?
Quem é essa mulher Mãe do povo, auxílio na cruz?
Quem é essa mulher, É a Mãe de Deus, a Senhora da luz.

ORAÇÃO INICIAL – CHAMADO E RESPOSTA 
Todos: Senhor Jesus Cristo, Salvador do mundo, em todos os tempos chamas homens e mulheres que, a exemplo dos Apóstolos, se empenham para que todos te conheçam e encontrem em ti a salvação. Escolheste Francisco Jordan como zeloso e fiel servidor do anúncio apostólico. Pela intercessão de Maria, Mãe do Salvador e Rainha dos Apóstolos, te pedimos: como concedeste a teu servo Francisco, dá também a nós, seus filhos e filhas espirituais, uma inabalável confiança em tua amorosa Providência, zelo apostólico por teu Reino, dedicação no serviço aos irmãos e irmãs, e
coragem para te seguir. Pela intercessão de teu servo Francisco, atende nossas preces, e ajuda-nos em nossas necessidades.
Amém.

Rezando com a Palavra de Deus:
Leitor 1: No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré. 27 Foi a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José, que era descendente de Davi. E o nome da virgem era Maria. 28 O anjo entrou onde ela estava, e disse:
«Alegre-se, cheia de graça! O Senhor está com você!» 29 Ouvindo isso, Maria ficou preocupada, e perguntava a si mesma o que a saudação queria dizer. 30 O anjo disse: «Não tenha medo, Maria, porque você encontrou graça diante de Deus. 31 Eis que você vai ficar grávida, terá um filho, e dará
a ele o nome de Jesus. 32 Ele será grande, e será chamado Filho do Altíssimo. E o Senhor dará a ele o trono de seu pai Davi, 33 e ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó. E o seu reino não terá fim.» 34 Maria perguntou ao anjo: «Como vai acontecer isso, se não vivo com nenhum
homem?» 35 O anjo respondeu: «O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com sua sombra. Por isso, o Santo que vai nascer de você será chamado Filho de Deus. 36 Olhe a sua parenta Isabel: apesar da sua velhice, ela concebeu um filho. Aquela que era considerada estéril,
já faz seis meses que está grávida. 37 Para Deus nada é impossível.» 38 Maria disse: «Eis a escrava do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra.» E o anjo a deixou. Lucas 1,26-38
(Momento de contemplação) Refletir o que a Palavra de Deus está nos falando hoje.
– Breve momento de partilha

Leitor 2: Recordando as meditações do Pe. Jordan – Venerem lealmente, com verdadeiro amor filial, a bem-aventurada Virgem Maria, Rainha dos Apóstolos e nossa Mãe que, com sua poderosa e amorosa ajuda, desde o início, sempre tem acompanhado a Sociedade. Por isso não deve existir membro de nossa Sociedade que não nutra um amor terno e profundo a Maria. Em toda parte onde está estabelecida nossa Sociedade, devem ressoar o louvor e a glória de Maria (Alocuções 02 de 12/12/1890).

Antífona cantada: Ave cheia de graça, Ave cheia de amor. /: Salve Mãe de Jesus a ti nosso canto e o nosso louvor:/
Leitor 3: Além do mais, o fato de vocês partirem para propagar a glória de Deus e o louvor de Maria, para salvar almas, deve constituir para nós uma grata recordação. Sim! “Quam speciosi pedes evangelizantium pacem!” (“Quão maravilhosos são os pés daqueles que anunciam a paz!” (Rm 10,15).
Levem a paz! Se vocês estão em paz com Deus, com seu pai espiritual e com seus confrades, então vocês também estão em condição de transmiti-la a outros; caso contrário, vocês não transmitiriam paz, mas o oposto. (Alocuções 4 de 27/06/1892)
Antífona cantada: Ave cheia de graça, Ave cheia de amor. /: Salve Mãe de Jesus a ti nosso canto e o nosso louvor:/
Leitor 4: Agradeçamos, pois, neste dia, à bem-aventurada e imaculada Virgem Maria! A ela, por conseguinte, nosso mais profundo agradecimento! Portanto, profunda gratidão! Sejamos agradecidos! Não o esqueçamos! Só na eternidade haveremos de entender quantas graças recebemos de Deus e da querida Mãe de Deus! Ponderemos, quanto é prometido a quem vive, em tudo, segundo a vontade de Deus: “Fulgebunt sicut stellae” (“Hão de ser como estrelas” (Dn 12,3)). (Alocuções 6 de 08/12,1896)
Antífona cantada: Ave cheia de graça, Ave cheia de amor. /: Salve Mãe de Jesus a ti nosso canto e o nosso louvor:/
Leitor 1: Esforcemo-nos para nos tornarmos verdadeiros filhos de Maria. E se quisermos sê-lo, então nos arrependamos de nossos erros. Quantas vezes a Mãe celeste nos ajudou, quando pesada carga pesava sobre nós! Quão notoriamente ela nos ajudou! Agradeçam com uma vida santa, vivendo em conformidade com a vocação a que foram chamados! (Alocuções 6 de 08/12,1896)
Antífona cantada:  Ave cheia de graça, Ave cheia de amor. /: Salve Mãe de Jesus a ti nosso canto e o nosso louvor:/
Comentarista: Colabore, pois, cada qual, segundo as suas possibilidades! Ninguém tem motivo para se desculpar! Maria é sua Mãe, Mãe de nossa Família! Refugiem-se nela, humildemente, em todas as necessidades, e ela os proverá de graças. (Alocuções 6 de 08/12,1896)

Rezando com a Família Salvatoriana hoje
– Maria foi para Pe. Jordan o sol radiante na aurora, que brilha e irradia imensa luz na vida e missão salvatoriana. Conduzido por ela Padre Jordan tinha o coração modelado e entregue ao Divino Salvador numa relação consciente de amor. Maria, mediadora de Deus nos ensina a experienciar a Divindade em Cristo, como ensinou a Pe. Jordan, esse é o nosso legado, vivermos na gratuidade do amor maternal a beleza e grandeza do nosso carisma salvatoriano. Do Sim de Maria, a serva de Deus, nasceu o Salvador, do sim de Padre Jordan, o servo de Deus, nasceu a Família Salvatoriana. (Irmã Maria Cleonice dos Santos, missionária salvatoriana, Terapeuta Ocupacional, Fortaleza, CE).

Todos: Cada um deve empenhar-se para venerar a Mãe de Deus, pela prática das virtudes (Alocuções Pág. 357)

– Padre Jordan carrega em seu nome sua predileção por Maria e acentua dentro tantos títulos de fé que
a Mãe de Deus recebe, o de Maria Mãe do Salvador e Maria Rainha dos Apóstolos. Sendo assim, Maria
ocupa um lugar especial na Família Salvatoriana porque Ela nos aponta para o caminho da Salvação
que está em Jesus bem como o caminho do apostolado.! Pe Carlos Jobed M. Saraiva, Religioso e
Padre Salvatoriano, Fortaleza – CE.

Todos: /: Ide anunciar minha paz, / ide sem olhar para trás./ Estarei convosco e serei vossa luz na
missão! :/

– Maria exemplo de Fé, de Serviço e de Amor ao projeto de Deus, confiou e foi fiel perseverando na
missão que lhe foi confiada, no magnificat (Lc 1,46-56) ela faz sua declaração de amor e confiança no
projeto de Deus. Maria, a Bem Aventurada, inspira gerações, inspirou em muitos momentos Pe.
Jordan e hoje continua nos inspirando a atuarmos na sociedade de forma transformadora, os santuários
dedicados a Maria recebem peregrinações o ano inteiro sendo sinal de ligação do povo com Deus
através de Maria. Que possamos denunciar as injustiças e através do serviço aos nossos semelhantes
possamos a exemplo de Maria contribuir na construção de sociedade mais justa e mais fraterna. A Paz
esteja com todos! – Marcelo da Motta Mendonça, Grupo de Leigos Salvatorianos Pe. Jordan, Professor
e Diretor de Escola, Rio de Janeiro-RJ.

SAL DA TERRA (Pe. ZEZINHO)
1. Vós sois o sal da terra / Vós sois a luz do mundo / Ninguém mais quer o sal quando ele perde o seu
sabor / Ninguém acende a luz para escondê-la logo após.
O sal e a luz sou eu, eu sou do povo do Senhor / O sal e a luz sou eu, eu sou do povo de Senhor
2. Vós sois o sal da terra / Vós sois a luz do mundo / Eu quero que esta vida tenha muito mais valor
Eu quero que meu povo tenha muito mais amor
O sal e a luz sou eu, eu sou do povo do senhor / O sal e a luz sou eu, eu sou do povo de senhor

Comentarista: Rezando com a Igreja:
Leitor 1: No Evangelho de João 19,26-27, vemos que “Jesus, ao ver sua mãe e, ao lado dela, o
discípulo que ele amava, disse a ela: ‘Mulher, eis o teu filho!’. Depois, disse ao discípulo: ‘Eis a tua
mãe!’. A partir daquela hora, o discípulo a acolheu no que era seu’”. Papa Francisco, ao meditar essa
leitura, fala-nos: “Temos uma Mãe que está conosco, que nos protege, acompanha e ajuda também nos
tempos difíceis, nos maus momentos”.
Todos cantam: Maria Mãe da Igreja, Rainha universal / Modelo de virtude liberta-nos do mal. /
Ensina ser fiel o povo do Senhor / Que o mundo se transforme no reino de amor.

Leitor 2. Maria, Mãe do Salvador, não somente quer nos acolher como filhos, como deseja nos
acompanhar por toda nossa peregrinação aqui na terra rumo à morada eterna.
Todos cantam: Maria Mãe da Igreja, Rainha universal / Modelo de virtude liberta-nos do mal. /
Ensina ser fiel o povo do Senhor / Que o mundo se transforme no reino de amor.

Leitor 3: Nos acontecimentos duros da vida, nos momentos de solidão e dor, alegria e realização,
clamemos essa simples oração que nos ensina o Santo Padre: “Mostra-te, Mãe!”. Confiemos: aquela
que acompanhou Jesus até o Calvário também nos acompanhará por todos os caminhos.
Todos cantam: Maria Mãe da Igreja, Rainha universal / Modelo de virtude liberta-nos do mal. / Ensina ser
fiel o povo do Senhor / Que o mundo se transforme no reino de amor.

Leitor 4: A devoção à Nossa Senhora nos ajuda a compreender que ela está conosco sempre. “Se Ela
te sustenta, não cairás; se Ela te protege, nada terás a temer; se Ela te conduz, não te cansarás, se Ela
te é favorável, alcançarás o fim”. (São Bernardo)
Todos cantam: Maria Mãe da Igreja, Rainha universal / Modelo de virtude liberta-nos do mal. / Ensina ser
fiel o povo do Senhor / Que o mundo se transforme no reino de amor.

Leitor 5: Rezem, rezem o Terço! Rezem-no sempre e em toda a parte, até o fim da vida. (Pe. Jordan)
Todos cantam: Maria Mãe da Igreja, Rainha universal / Modelo de virtude liberta-nos do mal. / Ensina ser
fiel o povo do Senhor / Que o mundo se transforme no reino de amor.

Tempo de contemplação da Palavra. (Instantes de Silêncio)

Comentador: Nosso venerável fundador – Padre Jordan – era particularmente devoto à Virgem Santíssima. Ele
era um verdadeiro e fiel filho de Maria. Era extraordinariamente grande a sua confiança em Maria. Com grande
insistência ele implorava o auxílio e a proteção da bondosa Mãe de Deus. Com gratidão, cantemos:

Canto: Hino Salvatoriano
Que todos possam ver/ e Cristo conhecer, / saber de Cristo é conhecer o amor!
1. Com alegria e muita gratidão, / a Deus erguemos hinos de louvor.
Com toda Igreja e com cada irmão, / nós proclamamos o Divino Salvador.
2. Tornar o Cristo amado e conhecido, / nos foi deixado como testamento.
O mundo inteiro será mais unido / se o Evangelho for da vida o fundamento.
3. Filhos e filhas pelo mundo afora / De Padre Jordan seguem a missão
E não se cansam de esperar a hora / De ver chegar a todo o povo a salvação.

ORAÇÃO FINAL – CONSAGRAÇÃO A MARIA (livro preces salvatorianas, oração 38 página 42)
Ó Virgem Imaculada, Mãe do Salvador e Rainha dos Apóstolos, nossa mãe e padroeira, na presença da
Santíssima Trindade e de toda a corte celestial, nós nos confiamos e consagramos inteiramente e para sempre a
ti, como teus filhos e filhas. Não nos desampares, mas volve para nós teu olhar misericordioso. Protege e defende
contra todo o mal, a nós e a toda a Família Salvatoriana.
Queremo-nos empenhar firmemente para que todas as gerações te proclamem bem-aventurada. Mãe
clementíssima, faze de nós fiéis seguidores/as de teu divino Filho, Salvador do mundo, e dos santos Apóstolos,
a fim de seguirmos seus passos, fiéis até a morte. Amém.

Bênção de Padre Jordan :
Abençoe-vos Deus todo poderoso: Pai, Filho e Espírito Santo.
Ele vos santifique, confirme e multiplique como a areia do mar e como as estrelas do céu, até o fim dos
tempos. Amém!
Pai Nosso … Ave Maria… Glória ao Pai…

Ave Maria, Mãe do Salvador
1. Ave Maria Mãe do Salvador, / viva esperança do povo sofredor.
Faz-se na terra sinal do nosso Deus, vem orientar os homens filhos teus.
Refrão: Maria Mãe da Igreja, / Rainha universal. Modelo de virtude liberta-nos do mal.
Ensina ser fiel o povo do Senhor. Que o mundo se transforme no reino de amor.
2. Humilde serva vem nos orientar,/ por onde ir e como caminhar.
Servindo a Deus e também ao nosso irmão. Como resposta à nossa vocação.
3. És bem feliz porque soubeste crer,/ dizendo sim, sem nada em Ti reter.
Serás bendita em todas as nações./ Em Ti sentimos a paz nos corações.

 

Você também pode baixar a Novena em PDF – https://www.salvatorianas.org.br/blog/08-de-maio-pdf/

Outros conteúdos